Loading...

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Prefeitura de Alto do Rodrigues realiza distribuição de peixes para Semana Santa

 
A Prefeitura municipal de Alto do Rodrigues, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, montou um cronograma especial e um método prático para a entrega do peixe da Semana Santa, que vai abranger todo o município (cidade e Zona Rural). A distribuição começou na manhã desta quinta-feira (17), em frente ao estádio municipal Abelardão e contou com a organização da equipe de Ação Social,  e servidores de diversas secretarias municipais.
 
Como em todas suas administrações o prefeito Abelardo Rodrigues Filho realiza a distribuição de peixes as famílias carentes de Alto do Rodrigues, propiciando uma Semana Santa mais farta e feliz aos altorodriguenses . 
 A entrega do peixe durante o período da Semana Santa já é uma tradição que o prefeito Abelardo Filho faz questão de manter e a cada ano, beneficiando milhares de pessoas da zona urbana e rural. Esse ano foi distribuído à população quase 9 mil kilos.
 
De acordo com a Secretária de Assistência Social Francleide Campos, a distribuição do alimento é uma forma de ajudar aos que mais precisam, numa data em que estarão todos unidos.
 
“É uma tradição do nosso gestor, feito na Semana Santa, é uma forma de unir as famílias em um dos dias mais importantes para o calendário cristão. Gostaria de agradecer o apoio do prefeito Abelardo Rodrigues, de todas as secretarias que nos ajudaram. Nossa função é prestar assistência as famílias altorodriguense e levar alegria nesta data importante”, concluiu a secretária. A distribuição continuará durante todo o dia de hoje na cidade e comunidades Rural.
Segundo o prefeito Abelardo Rodrigues, é gratificante realizar a distribuição dos peixes. “É satisfatório saber que a população de Alto do Rodrigues receberá o seu peixe para celebrar a Semana Santa. Estamos felizes pela concretização desta entrega e desejamos um ótimo feriado a todas as pessoas”, alegou o prefeito.  

Carnaubais - Colírio do Mais Educação

Alunos da E M Pe. José de Anchieta no Bairro Pacheco  -  aula de Capoeira.

IVAN PADILHA TEM PEDIDO DE DESBLOQUEIO DOS ROYALTIES NEGADO POR TRÊS A ZERO NA 5ª REGIONAL DO STF EM RECIFE

Estamos informado que prefeito de Pendências Ivan Padilha, sofreu mais uma derrota pelo placar de três votos a zero, tendo o pedido de desbloqueio dos recursos do royalties sido negado pelo STF da 5ª região em Recife.
 
 O prefeito Ivan Padilha que gastava uma montanha de dinheiro para ter o beneficio, após a suspensão continua gastando sem ter de onde tirar, após a suspensão direta dos repasses para os cofres da prefeitura, tentando recuperar o prejuizo apelando pra o STF em Brasília.
 
 O mais grave é que o processo deve retornar para a 11ª regional em Assú que julgou o municipio  devolver á ANP  uma soma superior a 67 milhões de reais. 
 
O interessante neste episódio, é a turma governista ficar lamentando a escassez dos privilégios antes gozado, colocando culpa na bancada opositora, formada pelos vereadores: Carlos Montenegro, Franklin Bezerra e o ex vereador Isac Santos responsáveis pela denúncia do ilícito praticado pelo gestor Pendenciense.
Fonte: AluizioLacerda

Prefeito Abelardo Rodrigues participa da entrega de material escolar nas escolas municipais


O prefeito de Alto do Rodrigues, Abelardo Rodrigues, participou na manhã e início da tarde desta segunda-feira (14) da entrega de kits de materiais escolares em várias escolas da rede municipal de ensino. Na escola municipal Monsenhor Walfredo Gurgel, o chefe do poder executivo municipal houve uma rápida solenidade que contou com as presenças da vice-prefeita, Emília Patrícia, alunos, diretores, professores e dos secretários municipais Irani Cunha (Educação) e Diá (Obras). 
Fonte: PanoramadoAlto

Deputado perde apoios no Vale

O deputado estadual dos Montenegros Soares, George Soares. Anda muito bem  na mídia eletrônica, no entanto averiguando os seus apoios no nosso Vale observamos várias e significativas baixas. Começando  por São Rafael, cidade que contou com o apoio do grupo do atual prefeito José de Arimatéia - PPS, hoje não conta mais.

No Alto do Rodrigues obteve o apoio  da atual vereadora presidente da câmara Ina Mulatinho - PROS, não conta mais. Em Carnaubais obteve uma excelente votação recebido da ex-vereadora e do ex-prefeito Giovani Wanderly, também não conta mais. Em Ipanguaçu não é mais tão seguro o apoio do ex-prefeito Zé de Deus. A sua cidade do Assu, obteve uma votação antes nunca conseguido por um postulante ao cargo que disputou, hoje não conta mais com o apoio do grupo do prefeito Ivan Junior - PROS.

Foi eleito pelo PR na coligação com  o ex-governador Iberê, só foi Rosalba tomar posse passou de mala e cuia para as ostes do governismo. Quando o barco afundou saltou fora do governo do DEM.
Será que tenha  sido estas  fragilidades de posições ou será que tem mais? O certo é que precisa arrumar muito voto a onde o povo ainda não lhe conhece.
Fonte: LuizinhoCavalcante

quarta-feira, 16 de abril de 2014

LUIZINHO E JÚNIOR BENEVIDES UNIDOS DEIXA SEGMENTO ADVERSÁRIO PREOCUPADO E SEM QUEREREM RECONHECER O FORTALECIMENTO DE SUAS LIDERANÇAS


Apesar do bloco opositor ao sistema de governo existente em Carnaubais, tentar plantar a semente da discórdia e do separatismo , entre o gestor afastado Luizinho Cavalcante e o interino Júnior Benevides no comando das ações de governo, tal atitude é pura perda de tempo dos seus adversários.
 
Os primos são no campo politico uma sólida e fortalecida composição de unidade, sendo uma espécie de irmãos siameses, nada se passa no âmbito  das decisões que não seja de conformidade com o aval um do outro.
 
 Talvez seja esse o ponto cruciante vivenciado pelo sistema de oposição, a cada dia que se vence, a união do sistema vitorioso em 2.012 se consolida com mais afirmação para o futuro.
 
 Júnior Benevides tem demonstrado ao longo do mandato ser um politico sereno e solidário, sem ambições que levem a um gesto de traição ou desconfiança do seu criador.   
 
As atitudes de correção com o grupo que herdou do seu antecessor, deixa-o  bem na fita com  o eleitorado de Luizinho e com condições de conquistar outros espaços, sem precisar de anuência do gestor que o povo elegeu na eleição passada pra fazer crescer sua imagem no conceito popular.
Fonte: AluizioLacerda

HÉLIO DE MUNDINHO E PAULO CAVALCANTI FUMANDO O CACHIMBO DA PAZ NA POLITICA DE GUAMARÉ

 
O prefeito Hélio de Mundinho da cidade de Guamaré sabendo que pra administrar uma cidade com o porte  financeiro que detêm mensalmente um  orçamento privilegiado no contexto da realidade regional, precisa usar de meios eficazes que facilitem o seu caminhar administrativo e politico.
 
Diante do conturbado trabalho que vinha sendo comandado pelo professor empresário Paulo Cavalcanti contra sua gestão, buscou por meio de um entendimento amigável, atrair a simpatia do ativista politico e cultural para suas hostes e assim fumarem o cachimbo da paz, sem que haja mais desconforto por parte da oposição que fica sem a articulação do aguerrido militante residente no distrito de Baixa do Meio.
 
Paulo Cavalcante professor concursado do município vem reforçar o time governista que precisa de um formador de opinião com experiência do ponto de vista popular.
Fonte: AluizioLacerda

Carnaubais contra a dengue

O Governo Mais Desenvolvimento através da secretaria de saúde, capitaneada por Sônia Nóbrega realizou na manhã desta quarta-feira uma caminhada "Todos Contra a Dengue", a mobilização que partiu de frente ao Hospital Maternidade Amigo da Criança Santa Luzia percorreu as principais ruas da cidade. Agentes de endemias, de saúde e profissionais da área estiveram presentes ao ato. Carnaubais é um dos municípios que está fora do mapa de risco da doença graças ao excelente trabalho dos profissionais da saúde junto a população que tem colaborado com o trabalho educativo dos agentes de endemias.

Carnaubais -Paixão de Cristo atrai público recorde para praça pública

O Governo Mais Desenvolvimento através do departamento de cultura realizou na noite de ontem a encenação da Paixão de Cristo feita pelo grupo de teatro TESGA da cidade de São Gonçalo do Amarante, um público recorde compareceu a Praça Santa Luzia para prestigiar o evento. Veja todas as imagens AQUI

MPF recorre para proibir novamente a TIM de vender novas linhas no RN até resolver problemas

Decisão judicial de primeira instância obrigou empresa a montar estrutura necessária, mas não impediu que continuasse realizando novas vendas

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) recorreu ao Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) para que a TIM Celular S/A seja proibida novamente de comercializar novas assinaturas ou linhas no estado, até que monte a estrutura necessária para garantir a qualidade dos serviços. A apelação inclui ainda o pedido de aumento da indenização a ser paga pela empresa, de R$ 10 milhões para R$ 50 milhões; e a simplificação na forma como os clientes serão ressarcidos.

A sentença de primeira instância, proferida em janeiro deste ano, obrigou a TIM a montar a infraestrutura adequada ao bom andamento dos serviços, mas não impediu a captação de novos clientes. A ré foi condenada ao pagamento de R$ 10 milhões em indenização por danos morais coletivos e à reparação de danos materiais que porventura vierem a ser demonstrados, por cada um dos usuários lesados.

O recurso do MPF, assinado pelo procurador da República Ronaldo Sérgio Chaves Fernandes, requer que o TRF5 reforme a sentença e determine a proibição das vendas de novas linhas, enquanto essa infraestrutura não for montada; o pagamento da indenização por danos morais coletivos no valor inicialmente proposto (R$ 50 milhões) e que todos os clientes sejam ressarcidos por danos materiais, independente de ingressarem com pedido específico.

No entender do Ministério Público Federal, a empresa deve pagar a cada um dos seus consumidores no Rio Grande do Norte o valor de R$ 2,00 por mês, contados a partir de abril de 2009, seja em forma de crédito para os consumidores do sistema pré-pago, ou abatido nas contas dos usuários do pós-pago. Até agosto de 2010, o montante já representaria mais de R$ 32 milhões em indenizações por danos materiais.

Decisões - A ação civil pública foi proposta inicialmente pelo Ministério Público Estadual à Justiça Estadual e posteriormente remetida à Justiça Federal. A ACP aponta as irregularidades praticadas pela TIM na prestação do serviço de telefonia móvel no Rio Grande do Norte, incluindo recorrentes congestionamentos das ligações e quedas de chamadas. Uma antecipação de tutela, em janeiro de 2011, chegou suspender as vendas de novas linhas.

A sentença de primeira instância, de janeiro último, acatou apenas parcialmente o pedido do MPF e determinou “que a TIM viabilize todos os investimentos necessários à implantação dos projetos de ampliação da infraestrutura da rede de telefonia móvel requeridos pelo MP, na proporção necessária a fazer frente ao incremento do número de usuários”. Porém o pedido de suspensão das vendas não foi tratado.

O MPF solicitava que a TIM fosse proibida de comercializar novas assinaturas ou habilitar novas linhas (ou códigos de acesso), ou mesmo proceder à implementação de portabilidades de códigos de acesso de outras operadoras para a TIM, enquanto “não comprovar que instalou e estão em perfeito funcionamento os equipamentos necessários e suficientes para atender às demandas dos consumidores que possui atualmente no Rio Grande do Norte, inclusive quanto à demanda reprimida em função da má prestação do serviço”.

No entender do procurador da República Ronaldo Sérgio, permitir a continuidade das atividades de comercialização de novas linhas, sem a garantia da estrutura, poderá agravar o dano já provocado. “(a proibição) possui um caráter inegavelmente coercitivo, sendo certo que a TIM será motivada a implementar com muito maior rapidez e eficiência as medidas faltantes para o fiel cumprimento do projeto de ampliação da infraestrutura da rede de telefonia móvel”.

Problemas – A Anatel apontou, em relatório de fiscalização promovida entre fevereiro e abril de 2012, que a empresa “não resolveu completamente os problemas de congestionamento e de queda de chamadas no Estado do Rio Grande do Norte” e que “houve momentos em que para cada 100 tentativas de originar chamadas 82,45 foram perdidas”; além de serem registradas quedas de ligações em 62 municípios do interior potiguar e em três bairros da capital.

“Convém atentar para o fato de que o problema objeto da presente ação civil pública, como bem se percebe do inquérito civil que instrui a inicial, remonta há vários anos e ainda não foi solucionado (...), sendo certo que a única medida, ainda que de cunho temporário, que fez mudar a postura da ré/apelada na espécie quanto a essa questão foi a proibição de comercialização concedida pelo r. juízo a quo no âmbito da antecipação de tutela”, reforça o procurador.

Relatórios da Anatel apontaram “que os assinantes da prestadora estão sendo prejudicados em diversos aspectos, particularmente os usuários não são atendidos com uma rede com qualidade adequada, ficando impossibilitados de efetuarem, ou receberem chamadas devido aos altos níveis de bloqueio, ou quando as chamadas não são interrompidas pelas quedas”. Como exemplo, em 2010 o índice de bloqueios de chamadas no município de Luís Gomes ultrapassou os 70% nos horários de maior movimento, quando o máximo admitido pela Anatel é de 5%.

Além disso, o MPF acrescenta que a empresa “tratava com discriminação seus clientes, mantendo um serviço melhor nas áreas abastadas e comerciais da capital, isso em detrimento dos bairros periféricos e das cidades do interior, que tinham de se contentar com um serviço de telefonia celular de qualidade inferior”.

Indenização – Os R$ 10 milhões estipulados como indenização por danos morais coletivos não foram considerados suficientes pelo MPF, que defende um valor de R$ 50 milhões, tendo em vista que, somente em 2011, conforme dados fornecidos pela própria empresa, o faturamento da TIM alcançou R$ 17 bilhões.

“(...) além de a indenização por danos morais ter sido estabelecida em apenas um quinto do que foi pleiteado na exordial, a sentença deixou na dependência da iniciativa dos consumidores prejudicados a reparação dos danos materiais por eles sofridos, e, mesmo assim, se conseguirem comprovar na fase executória tais prejuízos”, cita o texto da apelação.

O MPF questiona de que forma todos os clientes prejudicados poderão tomar conhecimento da sentença, ou mesmo ingressarem com pedidos de reparação dos danos. “Se isso não bastasse, deve-se ter em mente que o cidadão comum não dispõe de meios adequados para comprovar todos os prejuízos experimentados com as quedas de ligações ocorridas, bem como pela ausência de sinal momentânea.”

O processo original tramitou a Justiça Federal no Rio Grande do Norte sob o número 0007305-30.2010.4.05.8400


Assessoria de Comunicação
Procuradoria da República no RN
Fones: (84) 3232-3960 / 9119-9675

Custo de energia elétrica será reajustado no RN

De acordo com a tabela da Aneel, o reajuste para residências será de 11,40%. O setor industrial sofrerá reajuste de 15,78%.

 Marília Rocha
Reprodução/Ilustrativa
De acordo com a tabela da Aneel, o reajuste para residências será de 11,40%. O setor industrial sofrerá reajuste de 15,78%. 
 
A Diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (15), durante Reunião Pública, o reajuste tarifário da Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern). As novas tarifas entrarão em vigor a partir de 22 de abril para 1,2 milhões unidades consumidoras localizadas em 167 municípios do Rio Grande do Norte.

De acordo com a tabela da Aneel, o reajuste para residências será de 11,40%. O setor industrial sofrerá reajuste de 15,78%.

Para o reajuste da tarifa são considerados os custos relacionados à compra de energia elétrica para atendimento do mercado da distribuidora, ao valor da transmissão dessa energia e aos encargos setoriais. O cálculo se dá de acordo com fórmula prevista no contrato de concessão.

terça-feira, 15 de abril de 2014

Carnaubais - Somente um Governo Socialista faz assim: Gestão democrática!

Dherby eleita com 60% dos votos
Dos 1.084 pessoas aptas a votar, - entre pais [617], alunos [405] e professores [41] e assistentes administrativos [21], - 668 compareceram ontem na escola Abel Alberto da Fonseca para escolher o novo diretor (a) daquela unidade de ensino.

Segundo a comissão eleitoral, 62% foram votos válidos. Deixaram de votar 416 pessoas, o que representa 38% de abstenções.

Confira os números da votação:

Categoria
Chapa 1
Chapa 2
Professores
49%
51%
Funcionários
33%
67%
Alunos do 9º ano e EJA
33%
67%
Alunos da 7º e 8º anos
68%
32%
Alunos da 5º e 6º anos
69%
31%
Pais e responsável
68%
32%


Chapa 1 - Dherby Cristina e Rosangela Melo - 403 (60%)
Chapa 2 - Naldinho Costa e Luiz Aires - 265 (30%)
 Fonte:
professor Jailton Coringa, presidente da Comissão Eleitoral.

Mova Brasil abre duas turmas em Carnaubais




Insistindo no combate ao analfabetismo em Carnaubais, o vereador Thiago Cavalcante (PCdoB), desde o ano passado, consegui estabelecer uma rede de parcerias entre o Sindicato dos Petroleiros do Rio Grande do Norte SINDPETRO-RN, o Instituto Paulo Freire e a Secretaria Municipal de Educação. O Projeto conta com a contratação e capacitação de monitores, que trabalham com carteira assinada, sendo garantidos todos os direitos trabalhistas como salário mínimo, férias proporcionais remunerada e auxilio alimentação. 
 
Os educandos receberam a camisa, bolsa e caderno e lápis, e serão capacitados para desenvolverem a leitura e a escrita, devendo além disso serem estimulados a desenvolverem, cada vez mais um pensamento crítico e cidadão. No ano passado a parceria ocorreu no Distrito de Entrocamento, esse ano a parceria foi ampliada e atenderá o Bairro Pacheco (coordenado pela jovem Michelle Valdenívia) e a comunidade de Alemão (que recebe as orientações de Kalliany Nunes). A abertura dos trabalhos aconteceu em clima de socialização e confraternização na noite dessa segunda-feira, 14, nas referidas localidades e contou com a participação dos monitores, educandos, do vereador Thiago Cavalcante e do Secretário de Educação Nicolau Cavalcante.
Turma da Monitora Kalliany no Alemão
Turma da Monitora Valdenívia no Pacheco

Carnaubais - Governo Mais Desenvolvimento dá inicio as obras de construção do calçadão da Avenida Abel

O Governo Mais Desenvolvimento através da secretaria de obras e urbanismo que tem como titular da pasta Marcos Cavalcante iniciou nesta terça-feira as obras do calçadão da Avenida Abel Alberto da Fonseca, a obra consiste na pavimentação do canteiro central da artéria que proporcionará uma melhor acessibilidade aos transeuntes.

PARTICIPAÇÃO E CIDADANIA ELEGERAM DERBY DIRETORA DO ABEL

Acreditando no processo da participação democrática, o governo Mais Desenvolvimento aprovou a escolha de diretor da Escola do Abel, desde 2010. Já foi eleito o Professor Antonio Costa, e obteve a reeleição. Agora Registrou-se duas chapas com: Erinaldo Costa para diretor e Luzia Aires para vice, a outa chapa ficou composta por Derby Cristina e Rosa.

Campanha realizada, propostas debatidas, a comunidade escolar no dia de ontem (14) definiu o seu novo diretor, escolhendo por ampla maioria a professora Derby Cristina para dirigir por dois anos a escola. confira os dados.

Votantes: 678
Derby    : 493
Erinaldo: 265
Maioria pró - Derby 218 votos.

Parabenizo a toda comunidade escolar pelo brilhante exemplo de cidadania. E desejo a jovem professora sucesso na honrosa e digna missão de dirigir o destino de um estabelecimento escolar.
Fonte: LuizinhoCavalcante

Guamaré: MPRN pede melhorias na infraestrutura de casa de passagem local

O Ministério Público Estadual recomendou ao município de Guamaré que estruture a Casa de Passagem Caminho do Lar com equipamentos, utensílios e mobília. 
 
A Secretaria de Assistência Social também deverá mudar o local onde hoje funciona a entidade para um imóvel que tenha melhor infraestrutura para acolher crianças, de acordo com o portal eletrônico do Ministério Público do RN.  
 
Na recomendação, emitida pela 1ª Promotoria de Justiça da comarca de Macau e dirigida à secretária de Assistência Social de Guamaré, Marise Rodrigues da Silva, vários prazos foram fixados. 
 
O primeiro deles é de 48 horas para que sejam adquiridos três ventiladores, seis colchões e roupas de cama e mesa em número suficiente para seis crianças.
 
No prazo de um mês, o MP quer que a Casa de Passagem Caminho do Lar seja dotada de nova mobília (sendo seis camas, seis armários, seis mesas de estudo, um computador e uma televisão com antena parabólica) e de uma brinquedoteca (em espaço arejado com brinquedos, livros novos e suficientes para seis crianças).
 
Também dentro de 30 dias, o município deverá planejar e executar programas recreativos, lúdicos e educacionais com as crianças todos os dias da semana, inclusive sábados, domingos e feriados. Para isso, a recomendação orienta que sejam contratados um arte educador, um recreador e educadores de reforço.
 
Outra medida a ser adotada diz respeito à mudança de endereço, o que deverá ocorrer em 120 dias.
O novo imóvel deverá constar de três dormitórios infantis espaçosos, com ar condicionado, camas, armários e mesas de estudo (comportando duas crianças em cada dormitório); um quarto para as cuidadoras (com duas camas e um armário) e área de lazer ao ar livre com jardim e parque infantil.
 
A recomendação ainda orienta que seja concedida licença maternidade para a servidora Francisca Francinalva de Lima e que outro técnico seja nomeado para substituí-la na coordenação administrativa da casa, enquanto ocorrer o seu afastamento. 
 
O MPRN quer que a cuidadora Diana seja afastada da função e que a Casa de Passagem não a permita mais em seus quadros. 
 
Além disso, o município deve promover tratamento psicológico no PSF para uma das crianças acolhidas, pois ela apresenta problemas psicopedagógicos.
 
O MPRN emitiu a recomendação após constatar, em visita realizada no último dia 26 de março à Casa de Passagem Caminho do Lar, diversas irregularidades.
 
Problemas relacionados à manutenção, funcionamento e estrutura física são algumas das falhas encontradas pelo MPRN.
Fonte: PautaAberta

É hoje em Carnaubais! Paixão de Cristo

segunda-feira, 14 de abril de 2014

MIGRAÇÃO AM 80% das emissoras solicitaram mudança para a faixa FM

No Pará e no Amapá, todas as estações de AM local fizeram pedido de migração

Brasília, 10/4/2014 – Cerca de 80% das rádios AM de todas as regiões do país solicitaram ao Ministério das Comunicações autorização para migrar para a faixa de FM. O MiniCom recebeu um total de 1.386 pedidos de migração, em um universo que engloba 1.781 emissoras em todo o Brasil. Os dados fazem parte do balanço das sessões públicas realizadas em todas as capitais desde o dia 24 de março.

A adesão à proposta do Ministério das Comunicações foi alta na maioria dos Estados. No Pará e no Amapá, todas as rádios que operam em ondas médias apresentaram requerimentos. São Paulo, o Estado com mais emissoras AM (274, no total), registrou 237 pedidos. Mato Grosso do Sul, com 55 estações, teve 51 pedidos.

Das 108 emissoras AM de Santa Catarina, 100 delas pediram a migração. No Paraná, onde existem 180 rádios AM, o número de pedidos chegou a 162. Os requerimentos atingem mais de 80% no Rio de Janeiro, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, Paraíba, Alagoas, Pernambuco, Acre, Roraima, Tocantins, Goiás e Mato Grosso.

Os radiodifusores que solicitaram a migração receberão um número de protocolo, para acompanhar a tramitação dos seus pedidos.

Novas faixas

A Anatel realizará estudos de viabilidade técnica em cada unidade da federação para determinar se há espaço para a migração de todas as emissoras interessadas em cada município. Nos casos em que não haja espaço no espectro, a agência deverá analisar a necessidade de uso da faixa estendida de FM (de 76 MHz a 88 MHz), que deve ser liberada com a digitalização da TV.

Os canais 5 e 6, que hoje são ocupados por canais analógicos de TV, serão desocupados e destinados à FM. Hoje, as FMs são sintonizadas na faixa de 87.9 MHz a 107.9 MHz. Com a liberação dos canais, essa frequência será estendida de 76 MHz a 107.9 MHz.

Prazo

As entidades que não participaram das sessões públicas ainda podem enviar os requerimentos para o MiniCom até o dia 10 de novembro. Mas, nesse caso, o pedido só vai ser analisado depois que a Anatel concluir os estudos de viabilidade técnica naquele Estado.

Modernização

A migração das rádios AM para a faixa de FM foi autorizada no fim do ano passado pelo decreto 8.139. O objetivo da medida, que atende a uma antiga demanda de radiodifusores, é permitir a continuidade da operação dessas emissoras na nova faixa, já que o sinal das estações AM vem caindo em qualidade devido ao crescimento das cidades, além de não ser acessível em dispositivos como celulares e tablets ou mesmo em aparelhos de recepção mais modernos.
Fonte:http://www.mc.gov.br/radio-e-tv/noticias-radio-e-tv/30563-80-das-emissoras-solicitaram-mudanca-para-a-faixa-fm

AMPLIAÇÃO DA REDE ELÉTRICA NO NÚBIA

A COSERN, atendeu a solicitação do Governo Mais Desenvolvimento, e realizou no dia de ontem os serviços de eletrificação das ruas Antonio Fortunato de Albuquerque e Pastor Antonio Higino de Souza, ambas no Conjunto residencial Núbia Lafayete.

Desde do mês de novembro que as residencias das citadas ruas tinham sido entregues aos beneficiários e alguns com medo de invasão optaram em ocupar suas casas mesmo sem energia.
Agora graças a Deus está resolvido, a prefeitura já tinha estalado a água e agora a energia.
Fonte: LuizinhoCavalcante

VÍDEO MOSTRA O BATE-BOCA ENTRE NELTER E ROSALBA

IX CAMPEONATO INTERMUNICIPAL DE FUTEBOL

Carnaubais sedia um dos maiores campeonato de futebol amador, este ano 14 equipes participam do evento. Tendo a frente desta organização os desportistas: Aldair, Alzamir e Zé Rosa, os campeonatos anteriores todos aconteceram no distrito do Entrocamento. Este ano, mudou-se para o campo do Limeirão, localizado no conjunto Núbia Lafayete, dado as melhores condições para a prática esportista.

A organização do evento, oferece uma premiação de R$ 9.000,00 (nove) mil reais aos vencedores. O campeonato recebe vários apoios, sendo o maior de todos o do Governo Mais  Desenvolvimento. A disputa já teve início sendo realizada a 2ª rodada, confira:

1ª RODADA: Vila Mato Grossso   3 X 0 União Carnaubal
                        Entroncamento         0 X 3 Força Jovem Panom
2ª RODADA:  Cruzeiro de Penden, 1 X 0 Paijoão
                        Umbuzeiro                0 X 1 Sociedade do Panom
                         C.S.O Ipanguaçu      0 X 3 Vila Santa Catarina
                         Guarani de Penden.  1 X 0 Boavista .
Fonte: LuizinhoCavalcante 
Fotos: Guttier Mancio

Paixão de Cristo em Carnaubais nesta terça-feira dia 15


domingo, 13 de abril de 2014

NDB - Radiofarol

Generalidades
Conhecido mundialmente no meio aeronáutico e marítimo por NDB, da sigla inglesa Non Directional Beacon, que significa “marcador não-direcional”, a estação nada mais é do que uma baliza de sinais de rádio em modo A2, telegrafia modulada em 1020 Hz, para ambos os serviços, porém de fundamental importância a radionavegação náutica e aérea. Em radionavegação, o NDB determina uma posição relativa ou um ponto definitivo (objetivo); no caso da posição relativa, não existe a necessidade da aeronave ou embarcação passar exatamente sobre um determinado ponto, mas sim uma referência de uma rota, sendo que esta situação é reportada como “passando no través” ou “passando sobre” quando se tratar de aeronave. Já no caso de um objetivo, a marcação da baliza será o ponto final de uma rota ou de um determinado procedimento de navegação.

Freqüências de operação
Existem duas bandas distintas de operação dos radiofaróis; a primeira, dentro do espectro de ondas longas/médias, cobre de 190 a 535 kHz; a segunda, dentro do espectro de ondas médias, cobre de 1.600 a 1.800 kHz. É determinado um tom para a nota emitida pelo identificador, porém alguns países possuem algumas diferenças, portanto para um radioescuta esta diferença desde que do seu conhecimento auxilia na diferenciação dos sinais captados quando coincidentes numa mesma freqüência. Para o Brasil e Venezuela o tom determinado é de 1.020 Hz, entretanto muitos mantenedores não atentam para este detalhe, colocando no ar sinais de péssima qualidade, infelizmente.

Equipamento de recepção de bordo
O ADF (Automatic Direction Finder - localizador automático de direção) é o sistema de bordo para recepção dos sinais, também conhecido por radiogoniômetro e radiocompasso. É constituído de um receptor de AM com batimento, um indicador de painel graduado em 360 graus e duas antenas; uma unifilar chamada Sense e outra rotativa ou chaveada eletronicamente chamada Loop. A comparação entre os sinais das duas antenas é o determinante para a direção do radiofarol. Os receptores marítimos, na sua maiorias, cobrem de 190 a 3.500 kHz; os receptores aeronáuticos cobrem de 190 até 2.000 kHz. A cobertura contínua provê a possibilidade de utilização de estações broadcasting na navegação aérea e marítima quando da falta de estações de radiofarol dentro do alcance de aviões e navios.

Operadoras
Muitos são os operadores das estações de radiofarol no Brasil; entre tantas podemos citar a Aeronáutica, Marinha, Funai, Infraero, Petrobras, Varig/Rio Sul/Nordeste, empresas de táxi aéreo, prefeituras, governos estaduais, mineradoras, empresas agropecuárias, fazendas e particulares. Em alguns casos estas estações operam somente quando requisitadas, não permanecendo ativas por muito tempo, visando apoiar alguma aeronave; outra situação temporária é durante as operações militares, sejam manobras ou emprego real como apoio a Polícia Federal, busca e salvamento (SAR – Search And Rescue) e operações da defesa civil (calamidades e desastres).

Sistema marítimo
Na navegação náutica, o NDB determina uma posição relativa da embarcação e a estação, porém podem ser classificados como continentais, insulares ou embarcados; nos radiofaróis continentais e insulares tais estações estão localizadas ao longo da costa e em determinadas ocasiões junto a um farol luminoso. Nas estações embarcadas, como o próprio nome está dizendo, localizam-se em navios, plataformas marítimas e navios-balizas.

O alcance dos radiofaróis marítimos é de aproximadamente 550 km; assim podemos dizer que os transmissores de radiofarol marítimo possuem potências em torno de 3 kW. No Brasil, bem como no resto do planeta, as estações marítimas estão localizadas entre 285 e 325 kHz, entretanto as embarcações fazem uso dos radiofaróis aeronáuticos também. No Brasil as estações marítimas são identificadas por dois caracteres, entretanto em outros países podem possuir de 1 a 4 caracteres; como exemplo de estação identificada com um caracter temos Cabo Polonio no Uruguai, onde o caracter identificador é “F” em 295 kHz, aliás, esta estação é facilmente captada no sul do Brasil durante os nevoeiros de inverno quando é ativada, pois além de estar muito próxima da nossa fronteira sul, tem um alcance útil de 700 km. Com 4 caracteres de identificação temos no Chile várias estações, entre elas citamos Isla Quiriquina-Punta del Faro com os caracteres “QINA” em 315 kHz também operando durante os nevoeiros de inverno, entretanto sua potência é reduzida, por volta de 400 Watts. Algumas estações marítimas, inclusive brasileiras, já possuem agregado ao seu sinal o D-GPS (Diferential-Global Positioning System), que pode ser facilmente identificado como um som tremulante que acompanha a portadora da estação; alguns ouvidos identificam como um murmúrio ou choro na freqüência.

As estações embarcadas em navios por características de seus transmissores que cobrem de 400 a 530 kHz e 1.600 a 30.000 kHz, podem facilmente operar como radiofaróis, usando neste caso seu indicativo telegráfico como indicativo de identificação composto de algarismos e letras de 4 caracteres, por exemplo: PPNJ (Brasil), LQQQ (Argentina) e 5LXW (Libéria). São ativadas quando há necessidade de socorro por água ou ar, operações de manutenção e abastecimento quando envolver outras embarcações ou aeronaves (pouso de helicóptero a bordo, lançamento de material e resgate de pessoas).

As plataformas petrolíferas também são balizadas com a mesma finalidade de um navio, porém possuem equipamento especifico bem com indicativo próprio; por exemplo, a plataforma Merluza na bacia de Campos, que opera com indicativo MLZ em 1.645 kHz.

Para fins de consulta, a melhor publicação sobre radiofaróis marítimos é a publicação inglesa de cobertura mundial Admiralty List of Radio Signals, volume 2, publicado pelo The Hydrographer of The Navy, pelo preço de 10 Libras. No Brasil, a DHN, Diretoria de Hidrografia e Navegação da Marinha tem a venda o Manual de auxílos-rádio, porém com cobertura nacional.

Sistema aeronáutico
No âmbito aeronáutico os radiofaróis existem em número bem maior, pois além de simples baliza de um aeroporto também constituem o sistema ILS (Instrument Landing System - sistema de pouso por instrumentos) e os fixos de posição. Os aeroportos e até mesmo alguns pequenos aeródromos e pistas possuem uma estação de radiofarol identificada por três caracteres e um transmissor com potência que varia entre 100 e 1000 watts que determina uma cobertura de 45 a 185 quilômetros, sempre que possível situado o mais próximo da pista.

Os radiofaróis do ILS são imprescindíveis as operações de pouso de um aeroporto, pois informam posições criticas e essenciais de um circuito de pouso. Estas balizas são de até duas estações e conhecidas como marcador médio (LMM) e marcador externo (LOM), localizadas na área externa ao aeroporto, no prolongamento da cabeceira principal da pista e identificadas por dois caracteres, sendo que o primeiro caracter será I de ILS e os segundos caracteres do indicativo principal do aeródromo; por exemplo, Porto Alegre, o indicativo principal do Localizador é IPA e o marcador médio é IA em 395 kHz e o externo IP em 395 kHz. Em Porto Alegre existe um marcador médio na cabeceira oposta e como não faz parte do sistema ILS da cabeceira principal é identificado como PÁ em 315 kHz . Estes marcadores possuem transmissores com potência de 50 watts e antenas de dimensões reduzidas, o que ocasiona um alcance bastante reduzido, em torno de 25 quilômetros, portanto a recepção deste tipo de estação a longa distância constitui um prêmio ao radioescuta.

Por último existem as estações de radiofarol balizando os chamados fixos aeronáuticos, pontos onde as aeronaves obrigatoriamente devem reportar sua passagem. Estas estações podem estar localizadas dentro de uma determinada área terminal, ou seja, área de jurisdição de um controle de aproximação, que circunda um grande aeroporto; ou ainda em uma aerovia, principalmente aquelas localizadas sobre grandes extensões desabitadas como os oceanos, desertos e florestas, onde um sistema como o VOR (VHF omnirange) é ineficiente, pois como o próprio nome indica está limitado pelo alcance do VHF. Em geral estas estações identificadas por três caracteres possuem transmissores de 1.000 watts e excelentes antenas tipo torre irradiante, que como o nome indica, participa do processo de transmissão, numa estrutura com 42 metros de altura e 72 radiais enterrados para uma perfeita irradiação em todas as direções.

Existem várias publicações aeronáuticas repletas de informações sobre o assunto, pois cada país é obrigado a mante-las sempre atualizadas; no Brasil, a DECEA (Departamento de Controle do Espaço Aéreo) fornece o ROTAER - Manual de Rotas Aéreas, a AIP - Publicação de Informações Aeronáuticas, que podem ser adquiridos nos aeroportos das capitais, através de assinatura anual.

O detalhe que torna a escuta dos radiofaróis interessante é sua baixa potência em relação as emissoras comercias em AM, a propagação por onda terrestre e sua identificação telegráfica, pois leva o radioescuta ao aprimoramento pessoal e técnico na busca de uma melhor recepção. O assunto é vasto e engloba superação de vários fatores como as interferências naturais e artificiais, mas que aliada a força de vontade podem ser transpostas as dificuldades e trazer imensa satisfação.

Por: Jorge Jockymann Jr. - Torres – RS

sábado, 12 de abril de 2014

RACHA EM ASSÚ - George Soares pode provocar afastamento político do prefeito do Assú Ivan Júnior de Henrique Alves

IVANX GEORGEO deputado estadual do PR, George Soares, confiando no prestígio do presidente regional do seu partido e pré-candidato a vice-governador, João Maia, começa a criar um mal estar político no Vale do Açu e poderá provocar o afastamento do prefeito Ivan Júnior (PROS) e de outros gestores da região - do pré-candidato a governador do RN pelo PMDB Henrique Alves, se não baixar o tom do discurso arrogante.
A postura do deputado George Soares, que não tem apoio de nenhum prefeito do Vale do Açu, é apontada como pivô dessa crise que começa a se desenhar no mapa político do Vale Açu. Na última quarta-feira, George usou os microfones da Rádio Princesa para deixar um rastro de confusão.
O PMDB do Assu e aliados do prefeito do Assú não gostaram do comportamento do deputado do PR e ficaram constrangidos com o discurso desagregador de George que mesmo não tendo o apoio de nenhum vereador de um total de 15 em Assú, está cantando de galo por ser afilhado do pré-candidato a vice-governador João Maia.
O presidente da Assembléia e deputado Ricardo Motta, do PROS, que tem apoio dos prefeitos de Assu, Ipanguaçu e Porto do Mangue, ao contrário do seu colega, tem demonstrado bom senso com seu discurso aglutinador em torno da candidatura de Henrique. Outro exemplo de sensatez, é o deputado do PMDB, Nélter Queiroz que adota a postura de respeito aos prefeitos e vereadores da região.
Blog do VT.

CARNAUBAIS EM BOAS MÃOS SEGUE CONSTRUINDO O SEU FUTURO

O PSB carnaubaense, que tem a frente o prefeito interino Junior Benevides, vem desenvolvendo excelente trabalho elogiável por todos,, inclusive a cada dia ganhando a simpatia de partidos e  lideranças antes adversárias. O mesmo segue dando respostas  positivas na melhoria de vida do cidadão carnaubaense. 
 
O Governo Mais Desenvolvimento, está comprando uma ambulância; construirá a cobertura da  da quadra de esporte da Escola Municipal Abel Alberto da Fonseca; Construirá o ginásio de esporte no Jenipapeiro; estar concluindo o calçadão do Pacheco; e licitará o calçamento das ruas: Pedro Zacarias e Missionário Fred.
 
Estas ações e credibilidade tem deixado os nossos adversários nervosos. E para completar o empresário Gilson da Farmácia, está inaugurando um posto de gasolina no Bairro Pacheco.
Fonte: Luizinho Cavalcante

PROJETO CINEMA VEM A COMUNIDADE ATINGE RECORD DE PÚBLICO EM BELA VISTA

A Secretaria Municipal de Educação tendo a frente Nicolau Cavalcante vai sequenciando a execução do projeto Cinema Vem a Comunidade.
 
Ontem a equipe técnica do departamento de cultura, coordenado pelo o ativista cultural Antônio Cássio, exibiu na Comunidade de Bela Vista a película: "Minha Mãe é Uma Peça"batendo record de público, conforme os créditos clicados por Adilio Lacerda.
Fonte: AluizioLacerda

NÃO SE CONSTRÓI O FUTURO COM MENTIRAS ÓDIO E RESSENTIMENTOS

A arte de informar exige coerência, transparência, para que os o cidadãos leitor possa tomar conhecimento dos fatos com precisão e veracidade. A publicação da  decisão da Ministra Laurita Vaz, hoje. Representa um recurso ainda do ano passado. Por tanto a eleição continua suspensa e os dois embargos impetrados este ano, um a Ministra já nos deu o direito de voltar, o outro ainda estamos no aguardo. Em nada alterou a luta jurídica.
 
Não parte de pessoas de bom senso, e responsável os que não tem conhecimento ou não procuram primeiro se informar para depois informar. Apenas demonstram a mágoa, ódio e rancor contra um simples professor, que o povo o elegeu por três vezes prefeito de Carnaubais. Lutei e esperei 21 anos para chegarmos ao poder, e cheguei para mudar e dá vez e vida aos mais pobres desta cidade. Tenho paciência suficiente para jogar o jogo a qual me impusera. 
Fonte: LuizinhoCavalcante

QUANTA TIETAGEM

Os recalcados, e derrotados. Se animam com pouca coisa, só foi tomarem conhecimento de um recurso  negado hoje a minha pessoa para se animarem. Só que o determinado recurso, é matéria vencida. Quando voltei pela 2ª vez através de liminar, que nos garantíamos no poder até a publicação do acordão, e já sabíamos que não era favorável. 
 
Entramos com um recurso no TSE, para que não fôssemos afastado naquele momento, é justamente este recurso que foi publicado hoje. Não trata do que nós estamos esperando. Vamos aguardar. Quem rir por último rir melhor.
Fonte: LuizinhoCavalcante

Decisão da Ministra Laurita Vaz não interfere na disputa judicial de Carnaubais, e processo que definirá se Luizinho continua no cargo até julgamento definitivo do TSE, ainda será apreciado.



A decisão do Mandado de Segurança nº 99.298, divulgada em 11 de abril de 2014, em nada interfere na disputa judicial eleitoral do Município de Carnaubais, o referido mandado já havia perdido o efeito desde o dia 07 de janeiro de 2014.

Para esclarecer melhor, após o afastamento do prefeito Luizinho pelo TRE/RN em dezembro de 2013, foi apresentado embargos de declaração junto ao Tribunal Regional, sendo apresentado em seguida perante o TSE, o Mandado de Segurança nº 99.298, pedindo para que o prefeito Luizinho permaneça no cargo até o julgamento dos referidos embargos apresentados no TRE/RN, fato este que ocorreu no dia 07 de janeiro de 2014, ou seja, a liminar concedida através do Mandado de Segurança nº 99.298 que mantinha o prefeito Luizinho no cargo, perdeu o efeito, sendo afastado no início de janeiro, fato este de conhecimento de todos.

Após este afastamento, foram protocoladas duas Ações Cautelares (nº 1305 e nº 6416) para o retorno de Luizinho ao cargo, até que os recursos de nº 89.842 (combustíveis) e 96.082 (kit bebê) fossem julgados, sendo as referidas ações cautelares negadas em 13 de fevereiro de 2014.

Mesmo após a decisão negativa, a legislação brasileira prever a interposição do Recurso denominado de Agravo, sendo logo em seguida protocolado dois Agravos; um referente ao processo de nº 1305 (combustíveis), na qual foi julgado favorável a Luizinho na véspera do Carnaval, revendo a decisão da Ação Cautelar e devolvendo o cargo de Prefeito até decisão final do TSE, no entanto, o outro processo, nº 6415 (kit bebê), não permitiu Luizinho retornar ao cargo, na qual ainda espera o julgamento do referido agravo, podendo a Ministra Laurita Vaz rever a decisão, ou levar para o julgamento no plenário.

Desta forma, o agravo que ainda estar para ser julgado é quem definirá se Luizinho permanece no cargo até o julgamento em definitivo do TSE ou se continuará afastado até a decisão da Suprema Corte Eleitoral nos recursos de nº 89.842 e 96.082. Portanto a recente decisão do Mandado de Segurança que está sendo divulgada pela cidade, na verdade já não possuía efeito algum, sendo apenas uma decisão de praxe da Ministra que precisava encerrar o processo que já havia alcançado o seu objetivo, uma vez que os embargos declaratórios foram julgados e o prefeito Luizinho já havia sido afastado em 07 de janeiro de 2014.

Dito isto, a Ministra Laurita Vaz não negou liminar para o prefeito Luizinho retornar ao cargo, conforme divulgado amplamente na cidade de Carnaubais, apenas confirmou a decisão inicial que concedeu o direito de Luizinho permanecer no cargo até o julgamento dos Embargos Declaratórios, ou seja, o Mandado de Segurança alcançou o seu objetivo e dever ser encerrado.